Täuschung

She cries, children often do
When they’re cold, and hungry too,
Come closer, look deeply in her eyes
So delicate, quite unlike her smile

Life clinging backwards,
In the fall of dread confusion,
Still this silence gnaws upon your fingertips,
All-yielding prayer, for instant isolation,
Far more sinister than the price of doubt,

Yet you remain,
Still you remain,

And she says:
Pray for daylight,
Pray for morning,
Pray for an end to our deception…

Sobre Vítor Costa

Um insistente amador na arte do pensamento. Acha que a existência é feita da mesma matéria que compõe os sonhos. E que cada situação é uma ocasião de aprendizado. Mas que podemos, sim, estar à deriva num infinito de absurdo.
Esse post foi publicado em Despojos, Por um mundo Punk-Gótico e marcado , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s