Arquivo da tag: Jean-Paul Sartre

“Sócrates encontra Sartre”, de Peter Kreeft

Quase três anos atrás assisti, por sugestão de um professor dos tempos de graduação e mestrado, um filme chamado The Sunset Limited, adaptado de peça homônima de Cormac Mccarthy. No filme, Tommy Lee Jones interpreta um professor que tentara suicídio … Continuar lendo

Publicado em Filosofança | Marcado com , , , , | 1 Comentário

Esboço de uma fenomenologia do sentimento ‘kitsch’

Se há um tópico no qual acho que Jean-Paul Sartre é interessantíssimo – mais interessante do que talvez correto – é nas suas descrições psicológico-fenomenológicas dos sentimentos e emoções. Quando fala de fenômenos como a tristeza, Sartre é brilhante em … Continuar lendo

Publicado em Despojos | Marcado com , , , | 3 Comentários

“Aquém de si” (ou: o desafio da motivação e da expectativa)

É duplamente pesado visitar o texto de Husserl. Primeiro, pela densidade própria do texto. Segundo, porque o leio com lentes sartreanas – como talvez eu sempre faça com tudo. E é difícil não perceber a cada instante as conseqüências existenciais … Continuar lendo

Publicado em Despojos, Filosofança | Marcado com , , , , , | 3 Comentários

Entre Kant e Sartre

Há alguns meses não anoto nada de “filosófico” por aqui. Pois quero, brevemente, registrar que tenho mais e mais confirmado impressões que, há tempos, já me haviam surgido. Sem nitidez, não mereciam menção. Agora, contudo, depois da constante visita à certos textos … Continuar lendo

Publicado em Despojos, Filosofança | Marcado com , , , , , , , , | 3 Comentários

Momentos perfeitos

Já não vou – e certamente não irei mais – tanto para o campus da UFSM como já fui nos tempos de graduação. Espíritos mais práticos considerariam isso uma vantagem, tendo em vista a monstruosa piora do tráfego na(s) faixa(s) … Continuar lendo

Publicado em Despojos | Marcado com , , , , | 2 Comentários

De volta aos sonhos

Friedrich Nietzsche lamenta que a dialética tenha expulsado a música da tragédia. Esta, celebrando Dionísio, se definia pela música. O coro, assim, não é acessório: é essencial. Tudo o mais – o texto, a cena no palco, etc. – apenas … Continuar lendo

Publicado em Filosofança, Por um mundo Punk-Gótico | Marcado com , , , , , , , , , , , | 2 Comentários

Sobre impulsos irracionais

Depois de dez anos de envolvimento com a filosofia, penso que já tenha adquirido o direito de dizer certas coisas. Como, por exemplo, dizer que a metafísica irracionalista de Schopenhauer ainda é, por vezes, a filosofia sem a qual eu … Continuar lendo

Publicado em Despojos, Filosofança | Marcado com , , , , | 2 Comentários